terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Descendentes






Esta senhor protagoniza a história, uma história de afetos.
Gostei muito, do enredo, do desempenho, dos espaços, dos conflitos.
Tudo gira à volta de um desastre súbito que mergulha num estado de coma irreversível a mulher do ator.

Quando tudo parece perfeito, a vida encarrega-se de, num sopro, fazer desmoronar os alicerces de uma sólida família. É o lado perecível da vida, com toda a sua brutalidade.

Segue-se a gestão de conflitos, só por si latentes, no relacionamento de um pai ausente , com as filhas indomáveis. E sempre, sempre, a serenidade  e candura de Clooney a levar a melhor, contornando provocações e provações, mesmo quando, encostado às cordas, reage com uma tranquilidade que roça a santidade, num exercício de auto-crítica sumamente honesto.

Quem não gostar de Clooney, passará a reverenciar a sua personagem ( refiro-me, às mulheres, bem entendido).

O espaço é lindo, exótico , no Hawai como pano de fundo e com interiores simplesmente maravilhosos.
A grande frase do protagonista, perdura na memória:

" Adeus, meu amor, minha amiga, minha dor, minha alegria".

Não pude evitar as lágrimas.

Beijos,
Nina

23 comentários:

  1. Deve ser muito legal e emocionante!beijos praianos,chica

    ResponderEliminar
  2. Uau!! preciso ver! Não sou fã do ator, mas quero comprovar se vou amá-lo ou não...

    bjinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hum, deve ser interessante demais.
      Boa semana, Nina Bjs

      Eliminar
  3. OLÁ NINA,
    FIQUEI CURIOSA PRECISO ASSISTIR, OBRIGADA PELA DICA!
    BEIJINHOS..♥

    ResponderEliminar
  4. Me desculpa, amiga, mas desta vez meu pensamento viajou emso! Ah lá em casa... Esse homem é lindo! :)

    Bjs!

    ResponderEliminar
  5. Olá, Nina!
    Obrigada pela visita e pelo comentário carinhoso.
    Quanto ao livro, não é da Lucy (Attic24), mas ela o indicou, por isso eu comprei.
    Lindo texto!
    beijo,
    Debora

    ResponderEliminar
  6. Olá, Nina!
    obrigada pela visita e pelo comentário.
    Quanto ao livro de crochê, não foi a Lucy (Attic24) quem o escreveu. Ela o indicou, por isso eu comprei.
    Adorei o texto!
    Beijo,
    Debora

    ResponderEliminar
  7. OI MINHA FLOR QUE HOMEM LINDO, E A DICA E MUITO BOA...
    BEIJOS DE FRESIAS E LAVANDAS************
    REGINA IARA

    ResponderEliminar
  8. Nina, querida!

    Saudades!
    Obrigada pelo carinho sempre.
    Perdoe a demora... somente agora estou realmente voltando.

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  9. A minha filha anda a ler o livro. O filme com um actor desses vale sempre a pena.
    beijinhos.

    ResponderEliminar
  10. Gostava de ver esse filme. A ver se tenho oportunidade.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. Ahhhhhhh filmes com essa "coisa maravilhosa" chamada Cloney por mais ruim que seja, é bom demais, se nao pelo enredo, por vê´lo e suspirar já vale demais!
    Beijokas doces!

    ResponderEliminar
  12. Ai que vontade de assistir agora mesmo...já tinha visto a sinópse, mas agora...eu tenho que ver o filme...
    E que protagonista heim???
    muito lindo sr. nespresso...rsrss

    Beijinhos,

    Vera

    ResponderEliminar
  13. Ao ler a tua narração sobre o filme, percorreu-me um arrepio pelo corpo todo.
    Ainda não vi o filme, mas parece ser interessante, e depois com um ator como este, sempre nos tentamos a ir ver.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  14. Ainda não vi o filme. Mas acredito que seja lindo. Sou fã de dramas, romances.
    E George Clooney, dispensa comentários.

    ResponderEliminar
  15. Nina,

    Este e um filme que quero muito ver. Todos adoram, e eu amo George Clooney.

    ResponderEliminar
  16. Olà Nina,

    hesitei entre "The Descendents" e "The Artist" escolhi o segundo talvez porque admiro mais o Jean Dujardin, adorei o film,mas da maneira que (descreves) o filme sei o que me resta a fazer voltar ao cinema este fim de semana........

    Bjks.Celeste

    ResponderEliminar
  17. Estava a pensar em ir ver,
    mas depois deste relato,
    vou com certeza!!!
    abraços de MF

    ResponderEliminar
  18. Já ouvi falar tão bem deste filme...
    Pronto... estou convencido!

    ResponderEliminar
  19. C'est un très bel homme avec beaucoup de charme, mais tant pis je n'ai rien compris au texte ;-) Bonne journée !

    ResponderEliminar
  20. Vou procurar esse filme por aqui.
    Obg pela dica!

    ResponderEliminar