sexta-feira, 24 de maio de 2013

Parecem ...

 ... bandos de pardais, à solta ...



Foi assim, esta manhã!
No silêncio da leitura, um crescendo de vozes que rapidamente encheu as ruas.

Crianças, tantas crianças desfilando em direção à praia.
Muito ocupados em serem felizes, aproveitavam o momento.

Em grupos distintos, identificados pela cor das t-shirts e dos bonés, de mãos dadas, obedecendo às ordens de professoras e educadoras, caminhavam em direção ao passeio marítimo.
Os adultos olhavam sem entenderem a razão da invasão.

Desconheço o motivo desta ocorrência.
Sei apenas o que me foi dado ver.
Dezenas e dezenas de miúdos, num estado de espírito da mais pura felicidade, faziam a festa, que sexta-feira sem aulas não é costume e merece comemoração.
Vigiados pelas professoras, lá chegaram à marginal e o ar encheu-se então de um coro afinado que entoava a plenos pulmões:

-PRAIA!
-PRAIA!
-PRAIA!

E, de repente, senti saudade desta felicidade simples.

Beijo
Nina

51 comentários:

  1. De um modo geral, criança é feliz com pouca coisa. São leves, risonhas e felizes.
    bjs e ótimo final de semana.

    ResponderEliminar
  2. Nina, sua descrição foi perfeita: parecem mesmo um bando de pássaros alvoroçados... uma alegria inocente... eles tem olhos para ver o essencial! Me admira é que se dois apenas em companhia da mãe, não obedecem, correm pelas calçadas... mas um bando enorme, com os professores, andam devagar, obedecem, não ficam a pedir tudo o que vêem pela frente... Que mágica fazem os professores para conseguir isso? Deveriam ensinar às pobres mães... Bjks e bom final de semana! Tetê

    ResponderEliminar
  3. Igual a Ana falou... Criança é feliz com pouca coisa.Beijos, Ariane.
    www.diariodostreze.blogspot.com . Visita?

    ResponderEliminar
  4. Nina,
    como é bom ter essa idade, em que tudo está a nossa frente...como é bom!!!
    e as tuas fotos estão lindas...
    o dia estava lindo...
    beijos e bom final de semana

    de MF

    ResponderEliminar
  5. Nina querida,

    que delícia ser criança e ser feliz ao extremo com pouco!
    Sua seção nostalgia me contagiou!!!
    Criança não tem noção de perigo e segue sem preocupações! Vidão esse de criança, não é mesmo? rsrsssss

    Bjinhos estalados e um fim de semana com alegria de criança pra vc!

    ResponderEliminar
  6. Pois é, amiga!
    O tempo vai passar tão depressa e essa pequenada nem sabe o que os espera! Por hoje é só a praia. Oxalá sejam todos muito felizes no futuro.
    Que bom serem inocentes e ainda aproveitarem alegremente a areia... e o mar... e o sol... isso eles terão sempre, porque ninguém lhos poderá roubar!
    Tenho 3 netos com 3 anos... e agora o de 1 também já alinha nas brincadeiras dos outros... Os outros 3 já alinham em brincadeiras de mais crescidos!
    Amanhã rumamos ao norte: uma dos crescidos faz 13 anos.
    Os meus 7 são o meu bando de pardais à solta!...
    Bom fim de semana.
    Beijo da
    Teresinha

    ResponderEliminar
  7. E estes pardalitos tiveram um belo dia de praia!

    Abraço

    ResponderEliminar
  8. São esses os momentos de felicidade, observar o sorriso e alegria das crianças!
    Bem Hajam!
    Bom fim de semana! Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Nina ,para as crianças praia é sinal de alegria ,felicidade ,
    eu sei porque já fui criança «há pouco tempo atrás»
    e quando a minha mãe dizia que íamos há praia ,eu mal dormia
    nessa noite ,de tão feliz ,saudades ,bom fim de semana beijos

    ResponderEliminar
  10. Nina adoro ler suas postagens, vc aborda tudo com um encantamento, uma leveza que da gosto de ler.

    Imagino a felicidade dessas crianças de fazerem um passeio desses ainda mais em horário de aula e confesso que admiro a coragem dessa professoras de saírem as ruas com esse bando de pardais, como vc mesma diz, e que a qualquer momento um pode querer se arriscar num voo rasante.

    Ótimo fds.
    bjs
    Edi

    meuladoarteiro.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  11. dá saudade deste tempo que eu era criança , parecia tudo mais facil.

    e que felicidade elas estão.

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  12. Que delicia de passeio desses pequenos! e que responsabilidade dos grandes rss eu adoraria ter visto isso ao vivo:)
    bjinhos

    ResponderEliminar
  13. Que delícia de cena! Quando eu lecionava para crianças (na faixa etária a partir de 11 anos) gostava muito de dar aulas ao ar livre. Eles adoravam! Sair da sala de aula, ver a vida acontecendo, sentar-se no chão... Era muito bom! Certa vez um turista ficou impressionado: eu estava com a minha turminha na Cidade Histórica de Santa Cruz Cabrália, sentada com eles no chão, em frente à antiga Casa de Câmara e Cadeia, de frente para o mar, falando sobre o descobrimento do Brasil. Todos atentos, dando a impressão que faziam uma viagem no tempo através das minhas palavras e do próprio cenário onde estávamos. O turista gostou tanto do que viu que nos fotografou, pediu meu endereço e semanas depois recebi as fotos que ele fez! Foi muito bacana. Até vou procurar essas fotos... Nem sei se ainda as tenho...
    Amiga, não consigo acompanhar teu ritmo! Há posts que ainda não vi, mas já espiei! Vou comentar mais tarde, viu?
    Quanto à localização de Holambra, fica a 112 ou 132 Km de distância da cidade de São Paulo, dependendo por qual rodovia se trafegue.
    Amiga, entrei no site da livraria onde compro meus livros para comprar os Pilares da Terra. Então, me deparei com vários outros títulos do Ken Follet e não resisti: comprei "Queda de gigantes", o primeiro da trilogia sobre o século XX. É a história de cinco famílias europeias que protagonizam os acontecimentos que marcaram o mundo durante a Primeira Guerra Mundial. Comecei a ler ontem e já sei que me tomará o restante do ano todo, pois são mais de 900 páginas! Mas estou empolgada com o fato de revisitar o século XX através de um romance histórico e muito bem escrito. O segundo volume é "Inverno profundo", e o contexto é a Segunda Guerra Mundial. Esse ainda não comprei. Preciso dar conta do primeiro ainda!
    A construção da catedral do século XII ficará para o ano que vem!
    Amanhã eu volto!
    Beijinhos e um ótimo fim de semana.
    Ju

    ResponderEliminar
  14. Jesus... what's happen there?
    Have a good time.
    Sunny

    ResponderEliminar
  15. que delicia , e criança nao precisa de muito para ser feliz ! este barulho eu conheço bem, moro do lado de uma escola e me alegro em escutar as crianças correndo na hora do intervalo ... saudades de um tempo que passou rapido demais !
    bom fim de semana

    ResponderEliminar
  16. Eles estavam ocupados em serem felizes, como vc bem disse.
    Gosto muito de fotos, assim. De rua. Do cotidiano.

    ResponderEliminar
  17. Com certeza foi uma excursão para conhecer a praia e seu relevo! Coisas de escola, que faz a alegria da criançada! bjs

    ResponderEliminar
  18. O dia da Criança ainda é para o próximo mês. Qual seria a celebração? A minha "princesa" mais velha teve hoje a festa da ginástica. Com muita pena não pude ir assistir. Ela ficou triste e eu ainda mais.
    Um bom passeio para amanhã. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  19. Criança é pura alegria!!! Adorei sua descrição. Beijos minha querida e um ótimo fim de semana

    ResponderEliminar
  20. ¡Qué bonitas imagenes!
    Cuando por mi casa pasan
    estas "bandadas", siempre
    me asomo para verlos, me
    encanta la dulce melodía
    que van dejando.
    Besos guapa.
    Chary :)

    ResponderEliminar
  21. Oi Nina... que lindos estes "miúdos", esta felicidade é genuína e a mais bonita de se ver... e quem tem alma bonita sabe admirar... beijosss!!!

    ResponderEliminar
  22. Oi Nina,

    que bonita esta visão logo de manhã! Eu fico babando quando isto acontece comigo, paro e fico olhando e, certamente, um ou outro acena pra mim, eu retribuo!
    Lindas as fotos que postou e num dia de céu azul, nada melhor que PRAIA!
    Tenha uma noite com os reflexos da linda manhã que registrou!

    Beijão,
    Lu

    ResponderEliminar
  23. Nina, li seu comentário no blog da Rosa. Achei lindo o que disse. Agora achei você meio tristinha em sua última Lembrou-me muito Cecília Meireles.
    Ótimo final de semana.
    Beijos,

    ResponderEliminar
  24. Oi Nina,
    Adorei o 'ocupados em serem felizes'.
    Quer ocupação melhor do que essa?
    É um momento para curtir mesmo!
    bjs,ótimo finde!

    ResponderEliminar
  25. Olá,querida Nina!
    Que coisa boa é ver a animação das crianças e sentir aquela alegria genuína e infantil que contagia à todos nós! Mas acho que toda essa nossa emoção é porque no fundo seremos sempre eternos meninos e meninas,em busca de um tempo de plena e descontraída felicidade... Lindas e ternas imagens,Nina! Também adoro esses doces flagrantes do cotidiano...
    Meu abraço carinhoso pra ti!!!
    Teresa
    (do blog "Se essa lua fosse minha")

    ResponderEliminar
  26. E recordei um lindo poema de Eugénio de Andrade, "Poema à Mãe". Como tudo passa tão depressa...

    Bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  27. Bom dia Nina, e tanto que as nossas crianças precisam de ar livre! Principalmente as que moram nos grandes centros que vivem como que enclausuradas durante a maior parte do ano bem necessitam de serem soltas como "pardais" para libertarem as suas energias e gozarem desse prazer tão especial de correrem e gritarem a plenos pulmões a liberdade de serem crianças. Beijinhos e grata por este excelente "post"...Como sempre:)). Beijinhos e um bom fim-de-semana. Ailime

    ResponderEliminar
  28. Tão agradável esse toque de poesia em suas palavras!
    Sinto saudade de ser criança...

    ResponderEliminar
  29. Ahhhhh...como eu gostava desses passeios com os meus pequenos!!

    Sempre que possível, íamos a pé nos lugares...íamos rindo, prestando atenção nos detalhes do caminho...eu falava que eram passarinhos soltos...

    Estou aposentada há um ano, mas...sempre vou amar minha profissão. . . Deus me presenteou, sou grata, trabalhei com o melhor do ser humano...as CRIANÇAS!!! e isso não tem preço!!

    Nina, tenha um ótimo final de semana,

    beijinhos,

    Lígia e =^^=
    ✿⊱╮

    ResponderEliminar
  30. Que saudades desse tempo, não é, Nina querida!!! Ter o mundo inteiro a descobrir, ter adultos para cuidar de nós, preocupação somente com a tarefa de casa, com qual brincadeira brincar... Não sei porque hoje as crianças tem tanta pressa de crescer - meninas com roupas de adultas, batom...
    Realmente, é uma visão que causa alegria e tristeza ao mesmo tempo, pois o tempo não para prá ninguém... O jeito é guardar dentro da gente um pedacinho que seja da criança que se foi, continuar a se deslumbrar com o mundo e a vida e seguir vivendo. O sábado aí está acabando e eu espero que tenha sido lindo! Beijos!

    ResponderEliminar
  31. Nina... passando pra deixar beijokas pra você! Tetê

    ResponderEliminar
  32. Desde o tempo dos nossos avós, brincar sempre foi o entretenimento favorito das crianças, mas com o tempo, as brincadeiras antigas e de rua estão em desuso e vemos as crianças de hoje a ficar em casa em frente à TV ou computador. Dá a ideia que já nasceram conectadas! A verdade é que, o entretenimento mudou muito em pouco tempo. No entanto, quando juntas, nos recreios da escola, numa ida à praia, etc, e tal, divertem-se e parecem bem felizes na rua.
    Fez-me este post recordar e comparar a minha infância com aquilo que hoje presencio.

    Abr. e Bom fs.

    ResponderEliminar
  33. Mi querida amiga Nina paso por aquí para contarte de que me ausentare ya que me voy de viaje
    Cariños y hasta pronto
    Angelica

    ResponderEliminar
  34. Levaste-me ao baú das recordações.

    Tenho saudades do tempo em que leccionava...vi-me ali com os pequenitos!

    Que beleza de fotos!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  35. Levaste-me ao baú das recordações.

    Tenho saudades do tempo em que leccionava...vi-me ali com os pequenitos!

    Que beleza de fotos!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  36. Canta o nosso Carlos do Carmo " são os putos deste povo a aprenderem a ser homens... e quando a noite cai sentam-se ao colo do pai..."
    Vivi isto e era tão bom.
    Um abraço Nina.

    ResponderEliminar
  37. Poder curtir um dia lindomtudo de bom, beijo Lisette.

    ResponderEliminar
  38. Que Deus abençoe seu final de semana
    cobrindo de paz e luz sua caminhada nesse Mundo.
    Tenho orado por todos sem sessar ,
    pois sei e entendo quando precisamos nos afastar .
    O tempo fora da nossa telinha envolve pessoas do cotidiano assim como na vida virtual.
    Hoje estou tentando voltar com meu anjo de infinita luz divina.
    Ofereço qualquer imagem desse lindo anjo da minha postagem.
    Um abraço com infinito carinho e ternura.
    Feliz e abençoado Domingo.
    Beijos..Evanir.

    ResponderEliminar
  39. Que delicia. Esses grupos de crianças sempre são graciosos e agradáveis de se encontrar. E, claro, nos remetem à felicidade pura e descomplicada. Beijos, Paula

    ResponderEliminar
  40. É preciso tão pouco para os fazer felizes. Alguns têm sorte!
    bji

    ResponderEliminar
  41. Nina querida,
    Nao sei o que se passou com as crianças, mas sei que por aqui na Póvoa passou se o mesmo nesta sexta feira!!! Montes de crianças e suas professoras e educadoras a invadir a orla marítima...
    Pegando carona no post da Ju, também ja tenho o meu Ken Follet a espera para ser lido nestas ferias!! Vou começar pelo "Os Pilares da Terra"! E tambem concordo com a Ju, nao consigo te acompanhar!!!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  42. As crianças sabem transmitir a pureza da vida, o futuro depende delas, só com elas pode haver mais justiça, por elas e por todos é importantíssimo investir mais e mais sem limite na educação.
    Investir na educação não é um custo, é um beneficio.

    ag

    ResponderEliminar
  43. Da gusto ver y escuchar esas invasiones:))
    Un beso.

    ResponderEliminar
  44. Oi Nina!
    Você disse tudo, quando se é criança a felicidade é realmente algo simples, puro e verdadeiro!!!

    Beijo grande!

    ResponderEliminar
  45. agora me bateu uma saudade dos passeios de escola.. onde independente dos lugares onde os professores nos levassem.. era sempre uma aventura..kkkk. bjokas lindeza

    ResponderEliminar
  46. "Raiva de não ter trazido o passado roubado na algibeira!" (Álvaro de Campos)
    ;)

    ResponderEliminar