quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Setembro


Setembro já não é o que era!
Pelo menos, no Algarve, não é!
Onde estão as praias quase vazias?
Onde estão?

Vejo um areal ocupado, muita gente, muito movimento.

É certo que o ano letivo, este ano, começa mais tarde - ouvi dizer que só no dia 21 - e por aí passará a explicação para esta nova situação.
Os hotéis continuam com ocupação quase máxima e, nos restaurantes a afluência é grande.

Egoísta, vim à procura do Setembro de outros anos, de um Algarve livre de hordas de turistas. Por isso programei esta despedida de férias, este adeus à praia, em Setembro.
 Enganei-me!
Por essa Europa fora tenho assistido ao regresso às aulas ... aqui, é o que se vê.
Ainda assim, consigo desligar e recerregar baterias para os meses que se avizinham.
Na praia, é só caminhar umas centenas de metros e lá está a paz.
Nos restaurantes, é aparecer pelas 19: 00 h e não se nota a confusão que, começa a surgir no momento exato em que, terminado o jantar, saio.

Apenas quando a tarde acaba e a luz se adoça, reencontro o Algarve de outros tempos, o meu Algarve de Setembro:


Dirijo-me ao restaurante, enquanto a maioria continua na praia.

A serenidade é total.


Ouve-se o silêncio ...

... respira-se a paz!

Olho a ria que, na maré baixa, se esvazia.


--- sem ruído ...

... sem espalhafato.

Não temos tido dias de Algarve, no que ao tempo diz respeito.
Tem soprado um vento constante  e a água arrefeceu.


Ainda assim, esta serenidade de fim de dia não tem igual.


Algarve é Algarve!

Tenho lido desabafos de amigas algarvias que suspiram pelo fim do verão, pela desocupação de turistas que lhes roubam a paz e os hábitos.
Compreendo o queixume, próprio das zonas turísticas, onde os habitantes desenvolvem com os "invasores" uma espécie de relação de amor/ódio - por um lado agradecem/necessitam da sua presença, por outro, detestam sentir-se invadidos e despojados dos seus hábitos quotidianos.
São as duas faces da mesma moeda, a que não há como fugir.

Ainda assim, repito, Algarve é Algarve.

Beijo
Nina

26 comentários:

  1. Como é delicioso ler o que você escreve, Nina querida! Até numa queixa você acha jeito de injetar poesia...

    Queria eu poder reclamar da praia cheia, num lugar tão lindo...

    Beijos.

    ResponderEliminar
  2. Nina, a 2ª quinzena Setembro é bem mais calma..
    Quanto aos turistas são bem vindos. A verdade é que a maior parte dos algarvios vivem directa ou indirectamente à base do Turismo. Que às vezes é cansativo? É, Mas pior seria se não houvesse essa fonte de rendimentos. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Fotos lindas,Nina e como é bom o teu Algarve de setembro! bjs, chica

    ResponderEliminar
  4. Nina

    Praia cheia de gente....também não aprecio.
    Adoro caminhar na praia enquanto o sol desponta no horizonte e a maioria das pessoas ainda dorme. Adoro!! o silêncio de gente e o barulho do mar e das gaivotas.

    Algarve realmente parece ser muito bonito. Aproveite bem o final das férias apesar de toda a gente em volta.

    bjs

    ResponderEliminar
  5. Que lindas imagens!
    Tudo tem seu lado bom e o ruim né!?!?
    Bjuss!

    ResponderEliminar
  6. este verao tem sido muito duro,mas duro mesmo,muito calor(ou sou eu que nao aguento como antes)muita gente,muito trabalho,muita confusão... apesar de precisarmos do turismo de verão há alturas em que aparecem os indesejados,os mal educados,aqueles que poderiam ficar em casa!!! Os que muitas vezes se acham mais que nos, e isso a mim tira me do serio!!! este ano tivemos um cso com um conhecido,

    Cliente entra no taxi e fala frances,
    o taxista em ingles pois nao fala nada de frances,a muito custo la se conseguem entender para onde a cliente precisa ir,a meio do caminho o telefone da cliente toca ela atende e fala portugues!!!! Pode isto??

    ResponderEliminar
  7. Algarve é sempre Algarve...gosto dele sem confusão.

    As fotos estão magníficas, como sempre.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. Olá Nina,

    bom para os estudantes e profissionais da educação que as férias se alonguem mais, ruim, como você disse, para quem esperava que a balbúrdia turística se fosse! Que bom que você pode estar pela orla quando eles não estão e parece-me bem tranquilo mesmo flor!
    A última foto é muito bonita, artística viu!
    Tenha boas tardes de paz em seu particular paraíso!
    Beijão,
    Lu

    ResponderEliminar
  9. Olá Nina!
    As imagens - lindas, diga-se de passagem - me remetem às lembranças do lugar onde vivi 18 anos à beira-mar, numa região onde o turismo atualmente é a principal atividade econômica. Até o início dos anos 90 a região era linda, calma, predominando os moradores locais, a maioria pescadores. Vida simples, pacata, muita paz e paisagens naturais preservadas. Turismo havia, porém ainda não era de massa. Durante o verão, aquele movimento típico, mas logo se iam e tudo voltava à calmaria. Aos poucos, o turismo de massa foi ocupando espaço e a região foi totalmente transfigurada... Tornou-se irreconhecível, em todos os sentidos, e perdeu sua identidade. Todos somos turistas quando saímos de casa e visitamos algum lugar, mas é impossível não se queixar desse lado inconveniente da grande movimentação de pessoas num mesmo lugar, isso é fato.
    Mesmo sem encontrar o seu Algarve de Setembro, sem dúvida é um lindo lugar para encerrar as férias de verão!
    Beijinhos
    Ju

    ResponderEliminar
  10. ¿Y por qué empiezan las clases tan tarde este año? ¿Ha pasado algo especial?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Decisões incompreesíveis dos nossos governantes!
      Nada a fazer.
      Beijo, Gabriela

      Eliminar
  11. Oi Nina,
    Você escreve com graça e sutileza que sua doçura parece transpor meu computador e a sinto com tanto amor pelo seu país que até me comove.
    Beijos
    Dorli Ramos

    ResponderEliminar
  12. Eu quando regressei de férias, e cheguei a casa, como sabes na região de Cascais, também disse cobras e lagartos dos turistas, farta de os ver por cá. Quero a minha praia só para mim, ora bolas!!!
    Agora já se começa a notar um maior sossego, finalmente!
    Por isso compreendo-te muito bem. Querer ter uns dias de sossego, de silêncio e de zen e não ser bem o que estávamos à espera é muito , mas mesmo muito irritante. Mas, mesmo assim, desejo-te umas excelentes férias nesse teu cantinho que te é tão querido.
    Beijos grandes Nina, e boa rentrée para quando regressares :)
    https://instagram.com/annabelle_madeira/

    ResponderEliminar
  13. É isso mesmo Algarve é Algarve Nina e...para mim...sobretudo por esses belos recantos...onde nos sentimos donas do mundo!!!
    Gostei desses olhares!
    Bjo e aproveite bastante!!!

    ResponderEliminar
  14. Nina, querida!
    Eu adoro barcos, o mar e o outono!
    E suas imagens!

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  15. Oi Nina, lindas essas imagens, que tranquilidade... setembro é um mês que eu adoro e por aqui já temos um quase verão, rsrsrs beijosss!!!

    ResponderEliminar
  16. Como sempre digo. tudo tem o lado bom e o lado ruim. Da mesma maneira que os turistas tiram a paz dos moradores de Algarve, deixam tb seus euros para desenvolvimento da cidade.
    Bjs, Nina.

    ResponderEliminar
  17. Tenho muita vontade de conhecer esse lugar... fotos maravilhosas!!

    bjinhos

    ResponderEliminar
  18. Pois é Nina,quando morei no Algarve,trabalhei em lojas enfrente a praia da Rocha,amava ver esta folia de verão,quando chegava Setembro eu já´ficava triste,pois lá só as gaivotas.Minhas amigas Algarvias sonhavam com a chegada de Setembro para voltar a respirar tranquilo. Os turistas de Setembro era sempre pessoas mas idosas e com muita grana,queria privacidade e sossego. Cá as aulas começaram dia 1 de Setembro,beijinhos

    ResponderEliminar
  19. As fotos estão tão giras!
    Imagino o que é ter o sítio onde se mora a rebentar de turistas, não há de ser nada agradável...

    ResponderEliminar
  20. Apesar de ainda o movimento, essas fotos refletem uma calma muito boa ;D ;D
    Beijinhos Nina

    ResponderEliminar