quinta-feira, 5 de novembro de 2020

Marmelada



Hoje foi dia de marmelada e geleia de marmelo.
Comprei-os no supermercado, apenas 2 quilos, quantidade mais que suficiente para o gasto caseiro. Aliás, tal quantidade vai render, se calhar, até à próxima época de marmelos. Ainda assim, não prescindo do ritual que, apesar das facilidades oferecidas pela Bimby, continua exigindo tempo e vontade. 
Não sendo necessário descascar os frutos, continua sendo imprescindível retirar “caroços “ tarefa exigente, já que os ditos primam por uma dureza empedernida. Depois, para a marmelada, é só seguir as indicações da máquina e habemus marmelada sem as queimaduras ancestrais provocadas pela ebulição da mistura.
Acho que se a vontade fosse incontornável, hoje mesmo teríamos marmelada (com queijo) para a sobremesa.


Ei-la, já com o papel que protege a superfície.



Com os “caroços “ preparo a geleia. Dado que a chave do sucesso reside na brandura do lume, a coisa arrasta-se até atingir o ponto desejado.





Guardo em frascos esterilizamos e, como na minha infância, com a geleia de marmelo, vou rechear o bolo enrolado, que, evidentemente, poderia ter outro recheio ... mas não era a mesma coisa, pois não?


Boa noite!
Beijo
Nina








 

33 comentários:

  1. Belo trabalho e assim,por um tempo, tens belos doces, recheios! beijos, chica

    ResponderEliminar
  2. Acho que nunca vi um Marmelo na minha vida.
    Agora com Internete posso até olhar como é esse fruto.
    Bjs,

    ResponderEliminar
  3. Te ha quedado una jalea espectacular, traslucida y brillante.
    Besos Nina

    ResponderEliminar
  4. Este ano nem tive marmelos mas seja como for não sou eu a fazê-la.
    Sou pouco dotada para a arte culinária!

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Também põe bagaço/brandy na marmelada antes do papel vegetal? Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não, não ponho. Coloco o papel sobre a marmelada quente e adere perfeitamente. Não sei se este é o método perfeito, mas é o que utilizo.

      Eliminar
  6. Adoro marmelada, mas nunca fiz, tenho a sorte de tanto mãe como sogra fazerem sempre e oferecerem! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  7. Já tinha por aqui andado a espreitar os seus doces de fruta; a ver se os via, quero dizer. Bom, a marmelada já cá chegou :). Eu fazia - em tempos - um doce de marmelos aos quartos que era trabalhado com as cascas e as sementes e ficava assim uma coisa extraordinária com a geleia em pingo doce e vermelho escuro onde nadavam os quartos de marmelo muito pequenos e acastanhados. Não havia quem não gostasse. Porém, hoje, deve ser um dos poucos doces que não faço. Fiz várias compotas, melão, tomate, abóbora, maçã e ameixa. Falta-me o doce de laranja e talvez bise o de melão.
    Que o Novembro lhe seja benéfico, Nina.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bea, este ano transcendi-me - figo, uva, tomate, abóbora e agora marmelada, foram as produções em termos de doces e compotas. Comecei em Agosto com os figos (do Douro) e não parei. Tenho dividido com os meus apêndices que valorizam as compotas da minha autoria.
      Ainda tenho bastante abóbora congelada, pronta para utilizar, mas, para já, estamos servidos.
      Esse doce de marmelo - tipo compota, acho eu - era preparado anualmente pela minha mãe e servido com queijo, como sobremesa. Nunca o fiz, mas suponho que a receita conste do Pantagruel. Vou averiguar e depois conto.
      Beijinhos, querida Bea.

      Eliminar
    2. fica muito bom e, apesar do trabalho e tempo que exige, vale a pena. A receita consta de um livro de receitas (não sei se o pautagruel) prenda da minha directora de colégio quando me viu inclinada a vida conjunta. Ela sim, pessoa extraordinária:).

      Eliminar
  8. Tambem faço a geleia do mesmo modo, já a marmelada faço-a num tacho normal. Nunca tive vontade de aderir á Bimbe.

    ResponderEliminar
  9. Boa noite Nina,
    Deve ter ficado deliciosa a sua marmelada. A geleia está impecável.
    Marmelada este ano não fiz, porque não vi marmelos nos supermercados...
    O ano passado deram-me imensos e fiz três quilos e apanhei alguns escaldões...
    Talvez por isso este ano não tenha pensado no assunto.
    Como o meu comensal aprecia imenso, acabo por comprar da que me parece melhor do mercado, sem conservantes.
    Mas, nada como a caseira.
    Um beijinho e um ótimo fim de semana, com saúde.
    Ailime

    ResponderEliminar
  10. Bom trabalho. Engraçado já fiz doces de muitos frutos e legumes, mas nunca fiz marmelada.
    Abraço, saúde e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  11. Oi Nina... já comi marmelada, mas nunca vi um marmelo, a gente acaba comprando pronta no supermercado.
    Beijos e bom final de semana!!!

    ResponderEliminar
  12. Tem bom aspeto, mas não é coisa que aprecie. Bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  13. Olá, que maravilha, este post fez-me lembrar, que ainda cá tenho uma tigela tua, que vinha com uma marmelada deliciosa, mas o que eu adoro mesmo, é a geleia 😅😅 que bom aspecto 😍😍 Bom domingo, bjos doces

    ResponderEliminar
  14. Qué rico!!! Yo hago dulce de membrillo, con queso está riquisimo.
    Besitos

    ResponderEliminar
  15. Bom dia de domingo, querida amiga Nina!
    Nunca fiz o doce, mas gosto muito de marmelada. Aqui não é comum o marmelo.
    Tenha uma nova semana abençoada!
    Bjm carinhoso e fraterno

    ResponderEliminar
  16. Nunca fiz, mas a sua parece mesmo boa.
    Bom domingo.

    ResponderEliminar
  17. Olá Nina: ficou linda a tua marmelada e gostei também da geleia. Já fiz algumas vezes este ano, mas usei a casca também.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  18. Ninita, que rico aspeto tem a tua marmelada! Assim de repente imaginei que eram marmelos caseiros da tua quinta, já que esse fruto prolifera por todo o lado. :) Acho que nunca comi geleia, mas fico com água na boca só de ver. Gosto muito de marmelada e fiquei cheia de saudades (e de vontade de comer, rsrs) da marmelada que a minha mãe fazia, quando éramos pequeninos. Obrigada pela deliciosa partilha e pela doce recordação. Beijinho muito grande, até breve, querida amiga!

    ResponderEliminar
  19. Nina, que delícia,eu adoro marmelada com queijo.Nunca fiz.Minha vó fazia, só sei que espirrava muito, como doce de banana e goiaba...rsrs...Besitos

    ResponderEliminar
  20. Tudo com óptimo aspecto! Nunca se proporcionou fazer em casa... mas eu adoro marmelada... principalmente em cima de umas bolachinhas de água e sal... bem bom!...
    Tem de pensar em por um marmeleiro no seu terreno, Nina... creio que já os vi à venda no Lidl, em tempos...
    Beijinhos! Boa semana, e recheada de deliciosos projectos!
    Ana

    ResponderEliminar
  21. Oi, Nina. Acho que nunca comi marmelo. E parece que a geleia é uma delícia! ;)

    beijos

    https://ludantasmusica.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  22. Olá! Faz muito tempo que não me delicio com uma boa marmelada. Meus pais adoram, preciso correr atrás.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  23. Tinha saudades de te ver , querida Nininha!
    E como sempre , uma princesa prendada, cheia de dotes como se confirma pelos miminhos que apresentas com excelente aspecto.
    Um grande beijinho de saudades

    ResponderEliminar
  24. Boa noite querida amiga Nina!
    Com um aspeto maravilhoso!
    Um doce beijinho!🌷❤😍
    Megy Maia🌈

    ResponderEliminar
  25. Olá, Nina! Grata, pelas suas palavras! Já publiquei o seu comentário... só me chegou este último, há pouquinho... ainda não tinha dado, por haver problemas, nos comentários... caso volte a acontecer, se tiver oportunidade, depois diga-me alguma coisa... por aqui, mesmo... pois às vezes, não se tem muita noção, se estará havendo algum impedimento... momentâneo... ou já com caracter mais duradouro... enfim!... O Blogger, de vez em quando, continua a pregar-nos partidas...
    Beijinhos! Estimando, que tudo esteja bem, aí desse lado!... Feliz semana!
    Ana

    ResponderEliminar
  26. Tão bom. O ano passado arrisquei a fazer e ficou uma delicia.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  27. Olá, tudo bem? Sou a Andréia Inoue e escrevo principalmente sobre exposições e peças teatrais. Novos amigos são bem vindos, quero conhecer o seu conteúdo e te convidar para seguir o meu Blogger.
    https://andreia-inoue.blogspot.com

    ResponderEliminar