segunda-feira, 26 de agosto de 2019

Arribas do Douro

 Saindo de Salamanca, são 200 km no total, esta visita lá, onde o Douro já é rio. Chama-se Aldeadavila de la Ribera, a localidade onde, do alto, de muito alto, pode ser observado.
Já aí é linha de fonteira, ficando, do outro lado, Freixo-de-Espada-à-Cinta.



Lá chegados, no posto de Turismo, recebi indicações. Recebi ainda a decepcionante informação que, o barco responsável pelos cruzeiros saíra há 10 minutos e que, apenas às 18h haveria outro. Foi mau!



Face à impossibilidade do passeio fluvial, aventurámo-nos por caminhos e miradouros com paisagens espetaculares.




Até ao momento em que foi chegada a hora de almoçar.
Na povoação apenas um restaurante aberto. Repleto. A rebentar pelas costuras. Sem previsão possível de atendimento. 


- Logicamente que na estrada de regresso não faltam restaurantes, certo?
- Errado!
Nada!
Tudo "cerrado".
- Em pleno Agosto? Não percebo!



Num posto de abastecimento de gasolima, comprei uma garrafa de água e um pão.
Foi uma espécie de açorda.


Açorda, mais um conjunto de paisagens magníficas.


Porque diabo não seguimos para Freixo-de-Espada-à-Cinta?
Porque avaliámos mal a situação.
E ficámo-nos pela açorda.
E ainda com as vistas deslumbrantes.

Beijo
Nina

19 comentários:

  1. O nosso pais realmente é lindíssimo!!!

    ResponderEliminar
  2. Ainda bem que perdeu o barco e se aventurou pelas estradas! As imagens estão linda!
    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Olá:- Imagens lindíssimas. Como é bonito o nosso Portugal...
    .
    Votos de um dia feliz
    .
    .......... Quer ler? .......
    ** Amor em alma deserta **

    ResponderEliminar
  4. Boa tarde Nina,
    Que lindo! Paisagens de perder o fôlego de tão belas!
    Maravilhosas simplesmente.
    Valeu a açorda;)!!
    No meu penúltimo post no Ecos tenho um cruzeiro e as vistas pelo seu rio acima. Acho que vai gostar.
    Beijinhos e boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  5. Vistas de cortar a respiração! Também já andei por aí muito perto e estive em Freixo e noutras terrinhas à volta. São de incansável beleza mas de cansativo isolamento. Adoro passear por aí, mas só mesmo passear que, para morar, prefiro a minha cidade de média dimensão. :)
    Fiquei encantada com as fotos, lindas demais! Obrigada por tão rica e tão deliciosa partilha.

    ResponderEliminar
  6. amiga viajei contigo pelas fotos e o teu texto obrigada pela partilha sao lindas obrigada pelo teu carinho pois ainda nao sei o que vou fazer pois em setembro a minha vida prefisional vai mudar o que me vai deixar mt pouco tempo mas vou mesmo ver o que vou fazer pois eu mesma tb nao quero deixar mas a vida ela é assim bjs

    ResponderEliminar
  7. Querida Nina, Obrigada por partilhares estas fotos maravilhosas. Atrevo-me a dizer que a falta de restaurantes foi só um pormenor de pequena importância. Lavar a vista com estas vistas compensou tudo. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. Paisagem de tirar o fôlego muito bem fotografadas
    Bjs
    Kique

    Hoje em C. P. - Mãe de Deus e o Dízimo...

    ResponderEliminar
  9. Ora andou a Nina a pão e água por essas penhas e penhascos. Se fora eu, teria resmungado toda a viagem, dito rasgadas asneiras, esquecido máquina e fotos. E talvez se salvasse a paisagem:). Mas como era a Nina, ainda encontrou alma para fotos, olhos para paisagem, beleza a trazer para este canto. Há mulheres assim - como a Nina; e assado - como eu.
    As fotos estão lindas e até um pouco assustadoras, esse chão verde enganador, se alguém se despenha logo todo se rompe.
    Um dia em bom para si. E muito obrigada por estes presentes pequeninos e tão grandes

    ResponderEliminar
  10. Un posto fantastico, fotografie bellissime.
    Buona giornata

    ResponderEliminar
  11. Como siempre, tus fotos son impresionantes.

    ResponderEliminar
  12. Unos paisajes impresionantes, qué bonitas fotos!!!.
    Besitos

    ResponderEliminar
  13. Nina... a seguir a Miranda do Douro até Zamora... vemos o Douro em toda a sua beleza!
    Gosto muito de Freixo de Espada à Cinta e durante alguns anos, passeei bastante pela zona devido a uma amizade e como mudou de morada, ainda não regressei!!!
    ...
    Belos os seus olhares... Bj

    ResponderEliminar
  14. Paisagens incríveis e assustadoras, Nina.

    ResponderEliminar
  15. Qué bonito lugar! Recorrí el Duero en una pequeña excursión en Porto
    Saludos Nina desde Argentina

    ResponderEliminar
  16. Oi Nina... que imagens maravilhosas, ainda bem que esta aventura aconteceu, rsrsrs
    Beijosss

    ResponderEliminar
  17. Estupendo! Magnifique! Um espetáculo amiga! O teus país é um deslumbre de norte ao sul! Beijinhos

    ResponderEliminar