sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Marmelos, marmelada, geleia!


Estamos no tempo deles, dos perfumados marmelos.
Já no Verão, quando me deslocava pelo Algarve, os via, quase servindo de sebe a terrenos. Então ainda verdes. Agora, amarelinhos e perfumados.

Desde que cortei relações com as grandes superfícies, abasteço-me de fruta, num pomar aqui perto de casa e, uma vez por semana, lá vou eu, procurando o que me agrada - da época, tem que ser da época! Nada de batota com estufas e câmaras de frio.
Assim, ontem, lá fui.
Muitas uvas, tangerinas de Tavira, laranja "da nova", pêra rocha e marmelos.
Pouco mais de 2kgs.

Descascados e retirado o "caroço", foram pesados.
Cerca de 2 kgs.
Receberam 1.200 Kg de açúcar e  esperaram, até que no fundo da panela surgiu um pouco de líquido.

Foram então fervinhar devagarinho, muito devagarinho, até que espetando um garfo, a polpa dos frutos se apresentasse perfeitamente cozida.
Sem perda de tempo, foi reduzida a puré e, ainda quente, transferida para malgas.
O ponto estava absolutamente alcançado e assim que despejado, o puré solidificou, dispensando os dias de seca à janela.

Está pronta, sólida, perfumada, pronta a ser fatiada para depois dançar com fatias de queijo.

Todo aquele cerimonial de mexer com colher de pau, queimando mãos e braços, até que o ponto fosse atingido, desapareceu, desnecessário, anacrónico e doloroso.
Para já, tenho marmelada que chegue.
Só se alguma alma gentil se lembrar de me oferecer uns quilitos de marmelos, só assim, cozinharei mais.

Entretanto, cascas e "caroços" foram aproveitados.


Cobertos de água, ferveram - devagarinho, sempre muito devagarinho - e depois a água foi coada.
Obtida 1.5l, recebeu 1.5 kg de açúcar e ferveu, ferveu muito lentamente, até se chegar ao ponto de estrada.

Depois, foi vertê-la em frascos estirilizados ...

... que neste momento ainda arrefecem!

Serão degustados em tostadas torradinhas à hora do lanche!

Por estas e por (muitas, muitas ...) outras, adoro o Outono.

Beijo
Nina

35 comentários:

  1. humm...com o queijinho da serra ou um requeijão de Seia... nham!! :)) aboslutamente divino!

    ResponderEliminar
  2. Nina, por incrivel que pareça não conheço a fruta marmelo. Gostaria de ver uma foto.
    Amei o aspecto dos seus doces. Um brilho impar!!!
    E que ideia legal aproveitar as cascas e caroços.
    Gostei do post. Bjs

    ResponderEliminar
  3. Olá Nina.
    Faz hoje precisamente oito dias, ao final da tarde depois da vindima da minha mãe (tinha-me deslocado para o efeito a Forninhos, minha terra) e enquanto se fazia tempo para entrarmos descalços no lagar para a "pisa", fui dar uma volta na busca de tortulhos e marmelos.
    Lindos sob o sol quente, mas muito pequenos em tamanho mas gigantes no cheiro.
    Apanhei um saco que deixei na minha "velhota" e no Natal trarei umas tigelas de marmelada. À maneira dela...
    E viva a vida do campo!
    Beijo.

    ResponderEliminar
  4. Nina, moro próximo a grandes mercados hortifruti, mas nunca vi marmelos para vender. Se um dia eu os encontrar por aqui, vou comprá-los.

    Vendo suas belas imagens, fiquei com vontade de fazer marmelada...ai...assim fresquinha, sem aditivos e conservantes,deve ser deliciosa e saudável com certeza.

    Querida, tenha um ótimo final de semana,

    beijinhos,

    Lígia e =ˆˆ=

    ResponderEliminar
  5. Olá Nina.
    Vou ver se faço este ano. Que aspecto delicioso.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
  6. Também fiz! Geleia e marmelada, gosto tanto:)
    E também gosto de espalhar marmelos pela casa, só pelo cheirinho bom que fica. O outono tem destas coisas boas.
    Só ainda não encontrei tangerinas, estou desejosa de encontrar, já tenho saudades.
    Beijos

    ResponderEliminar
  7. Nina que delícia e que animada esta na cozinha e que visual lindo vc preparou tudo
    forte abraço
    elisa

    ResponderEliminar
  8. It looks so pro, had u nir show ge process of making , i would have never guesses that its homemade...
    Kisses
    www.beingbeautifulandpretty.com

    ResponderEliminar
  9. Senti o perfume daqui...Lindo trabalho.Vale!!beijos,chica

    ResponderEliminar
  10. Gostei de ver, não perdeu nada! Eu nunca vi um marmelo na vida, mas sempre ouvi falar de marmelada - que até havia prá vender, em latas, nos mercados de antigamente e que sumiram das prateleiras... A casa toda deve ter ficado com um perfume delicioso - se o perfume for irresistível como a cor... Beijos.

    ResponderEliminar
  11. Olá, podes ver aqui o minigarden:
    http://pt.minigarden.net/minigarden-vertical/
    Estou rendida!

    ResponderEliminar
  12. Maravilhosa tradição que não se pode perder: a marmelada e a geleia de marmelo!
    E agora o sol fará o resto sobre o papel transparente embebido em aguardente?!
    Eu tinha uma árvore de goiabas que dava frutos enormes e sãos, mas tive a péssima ideia de a deixar cortar para que uns vizinhos pudessem ter serventia para construir a casa deles.

    ResponderEliminar
  13. Comprei num site mas não o recomendo, tive alguns dissabores.
    Encontras no Aki, ficam à volta de 40€.

    ResponderEliminar
  14. Quante bontà!Buon fine settimana!Rosetta

    ResponderEliminar
  15. Olá Nina! Eu não sei o que são marmelos, mas a aparência está ótima. beijos

    ResponderEliminar
  16. Nina,
    You are such an creative cook! I have never seen a quince before but I goggled it and it says it's much like a pear. They look delicious!

    Have a wonderful weekend, my sweet friend.

    xo
    Robyn

    ResponderEliminar
  17. Tudo com um aspecto delicioso. Pessoalmente gosto mais da geleia, mas evito ambas as coisas por causa dos açúcares.
    Bom fim de semana. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  18. Hummmmmmmmmmmmmmmm...salivei!!!

    Adoro marmelada e geleia...com pouco açúcar a saber bem a marmenlo.

    A cor abre o apetite!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  19. Hummmmmmmmmmmmmmmm...salivei!!!

    Adoro marmelada e geleia...com pouco açúcar a saber bem a marmenlo.

    A cor abre o apetite!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  20. Já comia uma tosta com marmelada, com ou sem queijo...

    ResponderEliminar
  21. Quantas vezes buscamos em nossas amizades
    uma palavra de carinho .
    E quantas vezes tem me faltado
    tempo para deixar o carinho que
    gostaria de receber.
    Hoje estou feliz por estar aqui
    para acarinhar sua alma.
    E dizer o quanto você
    é importante para mim.
    Estou deixando na postagem um mimo
    do dias das crianças.
    Não por achar que você ainda é
    uma criança.
    Mais sim a eterna criança que existe em cada um de nós.
    Um feliz e abençoado final de semana.
    Beijos ternos e carinhosos, Evanir.

    Deixou me aqui com água na boca eu nunca vi a fruta do marmelo
    o doce caseiro não faz mal a saúde os mesmos não contem química.

    ResponderEliminar
  22. Boa noite Nina, que cor linda tanto a marmelada como a geleia! Já comprei marmelos que estão ali a aromatizar:)) a cozinha, mas confesso que um dia destes ainda deito mãos à obra e eis-me também a confecionar esses doces tão apreciados! Muito obrigada por partilhar. É que desta forma tudo parece mais fácil! Beijinhos e tenha um excelente fim de semana. Ailime

    ResponderEliminar
  23. Mas que lindas as cores obtidas, Nina, tanto na marmelada quanto na geleia! Sabia-me bem, agora, uma fatia dessa marmelada com queijo... ;)
    Abraço!

    ResponderEliminar
  24. Já tenho falado no blog que não sou muito adepta de doces, mas de marmelos sim. No quintal da minha mãe havia um marmeleiro e eu comia-os, cru, e com as sementes fazia cola, nem me lembrava disso....

    ResponderEliminar
  25. Que delícia e que bom saber fazer , é tão gostoso.
    bjs

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  26. Oi Nina... fiquei com uma vontade de sentar em uma mesa e comer uma fatia de pão com marmelada, rsrsrs beijinhosss!!!

    ResponderEliminar
  27. Que bom aspecto! Nova seguidora :)
    http://annluckindarkdays.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  28. Delicia Nina,amo passar por aqui nestes teus dias de chefe,saio cheia de vontade de reinventar na cozinha,lindo final de semana querida,beijinhos

    ResponderEliminar
  29. Olá, que bom aspecto :-) nunca fiz nada disso, mas fiquei curiosa com uma coisa, os marmelos ficam em repouso com o açúcar até ganhar líquido e depois é que foram ao lume?
    Obrigada por explicares tudo tão bem, até estou tentada a fazer, vou ao mercado ver se arranjo marmelos.
    Bom fim de semana, bjos doces

    ResponderEliminar
  30. Nina querida,
    Que delícia de cores e aromas... Imagino tua casa perfumada durante o preparo...
    Huuum, deu uma vontade de saborear a marmelada com queijo!
    Beijão e um fim de semana abençoado.
    Ju :)

    ResponderEliminar
  31. Noooossa, que delícia!! Adoro!
    As fotos ficaram um show a parte!
    Bjs

    ResponderEliminar
  32. Hm, Nina, ich liebe Quitten-Gelee :-)
    Aber ich war auch nicht faul, ich habe viele verschiedene Sorten Marmelade gekocht.
    Sauerkirschen, Erdbeeren, Mirabellen, Äpfel und Ananas, Bratapfel...etc.
    Lecker am Nachmittag auf ein Scheibchen Brot zum Kaffee :-)
    Küsse

    ResponderEliminar
  33. Vc tem mãos mágicas...
    Nem dá para acreditar que marmelos tão pálidos se transformam em uma marmelada tão colorida e viva. Que coisa mais linda! será que consigo fazer? Que tipo de panela vc usou? de ferro, inox?
    fiquei com água na boca.

    ResponderEliminar