terça-feira, 8 de maio de 2018

Uma almofada que já foi camisa ...


Aprendi, por puro acaso, que o tecido com que são feitas as camisas de homem tem excelente qualidade e que é uma pena não o aproveitar quando as mesmas se encontram imprestáveis, pois têm o péssimo hábito de se estragarem no colarinho e nos punhos.
Ouvi dizer que é possível "operá-las", isto é, praticar uma certa cirurgia , virando as partes doentes. Não estou para isso, até porque não sei ( nem quero saber) como se faz.
Logo, assim que a dita apresenta sintomas de "maleita" é retirada do roupeiro e segue para o cesto dos tecidos.
Duas esperavam vez, esperavam que eu me dispusesse a dar-lhes destino.
Acontece que a costura, como tudo na vida, corre melhor quando apetece.
Esperei pois que o apetite se anunciasse.
Então, tratei de as cortar em partes - mangas, frentes e costas. Passei-as muito bem e comecei a medir e a cortar.




Aproveitei um quadradinho em tempos bordado e, a partir dele fiz crescer a capa da almofada.
O tecido rosa  bem como o verde às pintinhas foram aproveitamentos de retalhos. Apenas o xadrez  pertencia à camisa.

Depois de costurar as diferentes tiras, coloquei manta térmica para dar "corpo e forrei. Só então liguei as duas partes da almofada.

Tenho ainda diversos bordadinhos guardados, parecidos com este. São ternurentos e valorizam a peça onde se costuram-

A parte de trás da almofada..
Aproveitei os botões e as "casas" da própria camisa

Ficou perfeito!
Sem fechos, sem complicações

Não sei como não tinha pensado nesta solução há mais tempo ...

Pronto! Cá está ela!

 Sobraram ainda vários pedaços deste xadrez e uma outra camisa.
Comecei a recortar quadrados e dentro em breve nascerá uma toalha para a mesa da cozinha, que não deixarei de  - vaidosa - exibir!

Decididamente, encontro-me em "modo" costura. Há que fazer render a onda.

Beijo
Nina

39 comentários:

  1. Ficou perfeita e muito bonita.
    Lembro-me da minha Mãe mandar as camisas do meu pai para a costureira para a mudança dos colarinhos.
    Eram outros tempos.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Krásna výšivka a pekný vankúš, gratulujem!
    A.

    ResponderEliminar
  3. Sua ideia de aproveitar a parte dos botões foi mesmo muito boa.
    E a almofada ficou bonita porque, além de tudo o tecido da camisa é bonito.
    Estou sem costurar porque ainda estou traumatizada com aquele enfiar de agulha.
    Vou comprar um peça que vi e que enfia a linha na agulha da máquina com facilidade.

    ResponderEliminar
  4. Uma ideia fantástica, Nina, dar um novo uso as camisas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Que bela forma de aproveitamento! :) Vou ter que mostrar à minha mãe para ela dar uso às camisas do meu pai. Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  6. Bem, mas ficou um trabalho magnifico :)) Parabéns

    Hoje:- Procurei os caminhos do mar...

    Bjos
    Votos de uma boa noite.

    ResponderEliminar
  7. E fazes muito bem, Ninita, há que aproveitar o momento. :) A almofada ficou amorosa e valorizada com o delicado bordado, uma ternura! Também não me ocorria tal. Normalmente mando virar os colarinhos, na costureira e depois disso dou-as ao meu pai, que acaba por rompê-las no trator... :)
    Agora fico à espera da toalha! Nem queiras saber, tentei fazer uma toalha com bordado e tecidos e já desmanchei tudo porque correu mal, muito mal... estou angustiada, apesar de saber que isto me vai passar quando tiver o bordado aplicado noutro trabalho. Vamos ver se o fim de semana me alegra a alma. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lete querida, ainda bem que aprovas. Esses desaires que referes só não acontecem a quem não mete as mãos na massa. Fico à espera da bela toalha. Beijinhos

      Eliminar
  8. Muito bem, Nina.
    Tenho uma tia de 93 anos que faz maravilhas com retalhos.
    As camisas, aproveita-as muito bem, também.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vivendo e aprendendo. Espero que nos meus 93 anos também continue inventando. Beijinhos

      Eliminar
  9. ES NORMAL DA PENA DEJARLAS SIENDO TAN UTILES PARA MAS COSAS.
    YO TENGO BOLSAS PARA GUARDAR COSAS EN EL ARMARIO...ZAPATOS...
    NO TIRO NADA!!!
    TE QUEDO PRECIOSA ASI QUE SIGUE RECUPERANDO Y BORDANDO.
    CHAUCITO

    ResponderEliminar
  10. Uma excelente ideia. E ficou muito bonita
    Abraço

    ResponderEliminar
  11. Es una idea estupenda, tengo una amiga que está haciendo una colcha de hexágonos con camisas que ya no utilizan sus hijos y marido.
    Besos.
    Chary :)

    ResponderEliminar
  12. Oi Nina... que ideia legal, gostei muito tecido xadrez e como dizem por aqui: quem sabe, sabe!!!
    Beijosss

    ResponderEliminar
  13. Olá Nina:)

    Parabéns, excelente ideia, ficou muito bonita, e usar a carcela e os botões da camisa foi de mestra.
    Beijinhos grandes.
    Tina

    ResponderEliminar
  14. Ficou uma almofada fantástica,...
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  15. Super darling! Your handiwork is perfection.

    ResponderEliminar
  16. Nina fez um belíssimo aproveitamento!
    ...
    Parabéns pelo projeto!!!
    ...
    Por aqui ... as camisas não têm tempo de se gastarem no colarinho nem nos punhos pois a cinza do cigarro consegue ser mais rápido :=)
    Bj amigo

    ResponderEliminar
  17. Ficou muito gira!! Quando li o titulo da publicação tive que rir. É que ainda ontem a destralhar uma gaveta da cómoda, dei de cara com uma camisola minha que encolheu muito (ou fui eu que expandi??) e que gosto tanto do jogo de cores que vou transformá-la numa fronha de almofada. Coincidências!!

    ResponderEliminar
  18. Un precioso cojín, es buena idea reciclar las camisas , quedan unos cojines muy bien acabados. Besos.

    ResponderEliminar
  19. Boa tarde. Visitando, vendo, lendo e elogiando as suas publicações. Mãos habilidosas.

    * Ouvindo o silêncio dos Areais. *
    .
    Abraço Poético.

    ResponderEliminar
  20. Adorei a almofada. O bordado favoreceu-a assim como o teres aproveitado o abotoado da camisa para fechar a almofada!
    Parabéns!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  21. Nina,outta dia vi,em loja, uma almofada bege de linho com este acabamento em botões! Ficou linda,super original. Beijinhos

    ResponderEliminar
  22. Ficou tão bonita! Um belíssimo aproveitamento.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  23. Boa noite Nina,
    Tão linda que ficou a almofada.
    Um belíssimo aproveitamento para camisas nessas condições.
    Acho que vou tentar fazer uma mesmo cosendo-a manualmente.
    Um beijinho e feliz serão.
    Ailime

    ResponderEliminar
  24. Una idea buenisima, te quedo genial el cojín.
    Besitos

    ResponderEliminar
  25. Nina, gosto muito da tua almofada e da bela ideia de colocares o bordado entre os retalhos.
    Também já aproveitei assim essa parte dos botões quando fiz umas capas de almofadas com camisas brancas.
    Aguardo a toalha!
    Ando a ver se acabo um casaco de tricô que anda enguiçado!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  26. Nada se perde... e tudo se transforma... quando há talento e vontade!
    Belíssimo o novo aproveitamento da camisa! Ficou giríssima a almofada!
    Beijinhos! Continuação de uma excelente semana, Nina... e boas costuras!...
    Ana

    ResponderEliminar
  27. Nina vou dar essa ideia a minha tia, pois o marido dela sempre prefere fazer a reciclagem numa costureira, o problema é que tal procedimento acaba custando mais caro que uma camisa nova, bjucas amiga

    ResponderEliminar
  28. Bela ideia, a almofada ficou muito gira, gostei da transformação da camisa.
    Continuação de boas costuras.
    Bjs

    ResponderEliminar
  29. Boa tarde Nina
    Gostei muito da ideia. Muito Legal.
    receba meu abraço lhe desejando feliz dia das mães, coberto com muita alegria, paz, e muito Amor.
    Meu novo cantinho.
    https://www.mariaalicecerqueira.com.br
    Com carinho
    Maria Alice Cerqueira

    ResponderEliminar
  30. Ficou uma beleza!! Parabéns pela ciatividade!! Bjus

    ResponderEliminar
  31. Nina, que bela almofada!
    Gosto desse tipo de bordado, especialmente com passarinhos.
    Também eu tenho imensas camisas novas, mas de colarinho bastante estragado, à espera de serem almofadas.
    Um dia destes quem sabe!
    Beijinhos e boa semana.

    ResponderEliminar
  32. Das Kissen ist sehr hübsch geworden. Liebe Grüße, Nicole

    ResponderEliminar